10 carros mais vendidos em Portugal em 2023 com surpresas elétricas

By | 30/01/2024

O mercado automóvel português em 2023 registou uma recuperação significativa. Houve um crescimento de 26,1% face a 2022, que fez com que se ultrapassassem as 236 mil unidades vendidas entre veículos ligeiros e pesados. Este ano foi marcado pela continuação do domínio de algumas marcas, mas também pela surpresa do avanço dos veículos elétricos.

  1. Peugeot 2008: 6770 unidades (3,39%)
  2. Dacia Sandero: 6424 unidades (3,22%)
  3. Peugeot 208: 6236 unidades (3,12%)
  4. Renault Clio: 5765 unidades (2,89%)
  5. Tesla Model Y: 5063 unidades (2,54%)
  6. Renault Captur: 4868 unidades (2,44%)
  7. Tesla Model 3: 4087 unidades (2,05%)
  8. Mercedes-Benz Classe A: 3966 unidades (1,99%)
  9. Opel Corsa: 3838 unidades (1,92%)
  10. Dacia Jogger: 3768 unidades (1,89%)

O Peugeot 2008 manteve-se, pelo terceiro ano consecutivo, como o carro mais vendido em Portugal. Teve 6770 unidades vendidas, que correspondem a uma quota de mercado de 3,39%. Logo atrás, com uma diferença mínima de menos de 350 unidades, ficou o Dacia Sandero. Este confirmou a sua popularidade entre os portugueses com 6424 unidades vendidas (3,22%). O Peugeot 208 fechou o pódio com 6236 unidades vendidas, ou 3,12% do mercado.

O destaque vai para a presença de dois modelos da Tesla nesta lista: o Model Y e o Model 3. Com estes veículos entre os mais vendidos, é um sinal claro do crescente interesse e aceitação dos carros elétricos em Portugal.

Variedade de marcas e modelos

A lista dos 10 carros mais vendidos em Portugal em 2023 mostra uma variedade de marcas e modelos. Além dos já mencionados Peugeot 2008, Dacia Sandero e Peugeot 208, encontramos o Renault Clio, Tesla Model Y, Renault Captur, Tesla Model 3, Mercedes-Benz Classe A, Opel Corsa e Dacia Jogger.

O mercado automóvel cresceu em 2023, especialmente com a cada vez maior ascensão veículos elétricos. As marcas tradicionais mantiveram o seu domínio, mas a entrada dos modelos Tesla no top 10 mostra uma tendência de mudança de paradigma no comportamento dos consumidores.

(4gnews)