Opinião: Como a mentoria de pares pode mudar a paisagem para as mulheres que criam empresas de tecnologia

By | 22/04/2023

A indústria tecnológica ainda é amplamente dominada por homens, com as mulheres empreendedoras a enfrentarem verdadeiros desafios ao seu sucesso. Cada vez mais popular entre o sexo feminino, a mentoria peer to peer pode ser a resposta, defende Inês Santos Silva.

.
Opinião: Como a mentoria de pares pode mudar a paisagem para as mulheres que criam empresas de tecnologia
 

Por Inês Santos Silva (*)

Construir um negócio de sucesso pode ser assustador para os fundadores (mulheres) de empresas de tecnologia. A indústria tecnológica ainda é amplamente dominada por homens e as empreendedoras enfrentam, no geral, desafios e barreiras únicas ao seu sucesso. É por isso que a mentoria peer to peer está a transformar-se numa ferramenta cada vez mais popular entre as mulheres que desejam comunicar com outros empreendedores da área da tecnologia, obter insights e apoio valiosos e expandir os seus negócios.

A mentoria de pares é uma abordagem colaborativa para a orientação que enfatiza a aprendizagem e o apoio mútuos. Neste modelo, os empreendedores são colocados em contacto com outros fundadores que estão a passar por experiências semelhantes e trabalham juntos para partilharem conhecimento, fornecerem feedback e oferecerem orientação e suporte.

Para as fundadoras de tecnológicas, a mentoria peer-to-peer pode oferecer uma gama ampla de vantagens. Estas são apenas algumas entre as principais:

Networking e construção de comunidades: Uma das maiores vantagens é a oportunidade de construir uma rede de empreendedores com ideias semelhantes. Isso pode fornecer um sentido de comunidade e apoio crucial para as mulheres, frequentemente sub-representadas e subestimadas na indústria da tecnologia.

Acesso a novas perspetivas e insights: trabalhar com outros fundadores pode fornecer insights valiosos sobre diferentes abordagens e estratégias para construir um negócio de sucesso. Pode, por exemplo, ajudar as empresárias a pensarem fora da caixa e a explorarem novas ideias e oportunidades.

 

Responsabilidade e motivação: A mentoria de pares pode oferecer um nível de responsabilidade e motivação que é difícil de alcançar. Ao trabalhar com um mentor que também é empreendedor, as mulheres em tecnologia podem permanecer no caminho certo, definir metas e progredir para alcançarem aquilo que visionaram.

Desenvolvimento de competências: os mentores podem fornecer feedback e orientação valiosos em áreas de negócios específicas, como marketing, desenvolvimento de produtos ou angariação de recursos. Isso pode ajudar as fundadoras de empresas tecnológicas a desenvolverem competências e conhecimentos em áreas em que possam ter menos experiência.

Maior confiança e autoeficácia: através da orientação peer-to-peer, as empreendedoras podem ganhar a confiança e a autoeficácia de que precisam para ter sucesso. Ao verem outras pessoas serem bem-sucedidas e receberem feedback e apoio dos seus colegas, as mulheres podem superar a síndrome do impostor e outras barreiras ao sucesso.

No geral, a orientação peer to peer pode ter um valor inestimável para as fundadoras de empresas tecnológicas que desejam construir negócios de sucesso.

(*) Co-fundadora da Portuguese Women in Tech | Fundadora da omen(dot)Business

Artigo originalmente publicado em inglês

(Teksapo)